cartclosedowneyefacebookfilterheartinfo-barsinfo-cardinfo-packageinstagrammailmenunextprevioussearchsendtelephonetwitteruserwhatsappyoutube
21/09/2018

Você sabe a diferença entre cada um dos tipos e tamanhos de Seda? 

Nós te explicamos!

 

No que se trata de seda, os primeiros nomes que nos vem na mente são sedas importadas de renome mundial. O caso da Papelito é diferente, um produto 100% brasileiro que já esta no mercado há cerca de 6 anos e que sempre buscam inovar sua linha, um grande exemplo disso é a mais nova novidade deles, o Porta-Beck, também conhecido como mocó.

​​

 


 

Tipos

 

Tradicional (Folha Branca)

Os papéis de fumo podem derivar de diversas fontes. Muitas vezes, são feitos a partir do cânhamo, extrato de arroz ou de celulose, que é extraída das árvores. Para que as sedas fiquem brancas, elas passam por um processo de alvejamento. Outro componente importante é a goma, que serve para colar o cigarro.A goma arábica natural é a mais recomendada, pois é orgânica e não altera o sabor do fumo.

 

 


Brown Unbleached

O papel para fumar do tipo Brown é um dos favoritos do pessoal que curte a erva aqui no Brasil. A grande vantagem é que esse tipo de seda é menos tratado, ou seja, recebe menos química para obter a cor branca. A seda Brown tem uma aparência rústica e mais escura que os papeis tradicionais, por isso o nome brown(marrom em inglês).

 


Slim

O papel do tipo slim é caracterizado pela textura, mais fina que as demais sedas, e é recomendada para quem gosta de fumar em doses homeopáticas — o famoso fininho. O papel de qualidade slim é feito a partir das fibras de canhamo e, da mesma forma que as sedas tipo Brown, também leva menos química em sua fabricação.


Celulose

Assim que foi lançada, a celulose teve seu momento de fama, mas rapidamente caiu no esquecimento dos consumidores de cannabis. Isso porque muitos consumidores acharam o material estranho, ou ainda tinham ressalvas sobre consumir esse tipo de seda.

Para quem está acostumado a fumar com papel, provar um beck bolado em papel celulose também pode ser uma experiência agradável. O baseado fica perfeitamente bem enrolado, você pode ver os camarõezinhos da erva lá dentro e, para alguns, até o gosto muda.

As sedas de celulose, entretanto, não são compostas apenas por esse material: elas levam de 10 a 17% de glicerina que, quando aquecida, libera a acroleína, uma substância que pode fazer mal ao organismo se inalada. Além disso, as sedas de celulose são consideravelmente mais caras do que o papel para fumar comum.

 

 

 


Blunts

Inspirados nos elegantes charutos, os blunts consistem em cigarros enrolados em folhas de tabaco. Algumas vezes associados à ostentação e glamour, não por acaso estão entre os tipos mais preferidos pelos greengos estadunidenses, sobretudo cantores de hip hop e gângstas em geral.
Registros internéticos do site Erowid afirmam que os primeiros blunts surgiram entre os Jamaicanos que viviam em Nova York no início da década de 1980.​

 

 


Tamanhos

 

Single wide
Também conhecida como a seda de tamanho simples. Bastante popular, e com as dimensões certas para uso diário;

​- 1 e ¼:

Um pouco maior do que a single wide, esse papel para enrolar cigarro é utilizado para quem gosta de apreciar um pouco mais de tempo na companhia do seu cigarro artesanal;

1 e ½:

Trata-se de um padrão de medidas pouco encontrado aqui no País, com forte apelo popular em outras regiões, como os Estados Unidos e a Europa;

King size:
O nome já diz tudo, sendo considerada uma seda de tamanho duplo. Produto ideal para cigarros artesanais compartilhados entre amigos.

 

 

Agora que você já esta formado em "Tipos & Tamanhos de sedas", está apto a começar as compras!